antig Fevereiro 27, 2018

Antigo secretário-geral e outros 15 ex-militantes querem voltar ao partido.

António Capucho, Marco Almeida e outros 14 ex-militantes do PSD enviaram um requerimento ao Conselho de Jurisdição Nacional do partido, actualmente presidido por José Nunes Liberato, a pedir a anulação da expulsão por terem integrado uma candidatura autárquica independente.

Segundo uma nota divulgada pelo ex-secretário-geral do PSD, o requerimento fundamenta o pedido no facto de o partido ter aprovado a candidatura de Marco Almeida a Sintra em 2017, ao contrário do que aconteceu em 2013.

Os antigos militantes sociais-democratas argumentam assim que houve um “erro” cometido nas eleições de 2013 e consideram que estão ultrapassadas as razões que levaram à sua expulsão do partido, “ficando aberto o caminho para a reconciliação e o reagrupamento da família social-democrata em Sintra.”

Em Outubro, em declarações ao PÚBLICO, António Capucho já havia assumido a possibilidade de um regresso. “Admito voltar, se o partido for diferente, quer nas pessoas quer nas políticas”, disse o também antigo líder parlamentar do PSD.

Fonte: Publico

Comentários

comentários