Opinião

O PIB “Armando”, por meio das asneiras “lá vai andando”

Boa leitura do PIB nacional, acima das expectativas e que aponta para um crescimento não inferior a 2% em 2017. Um viva especial ao turismo, faço votos para que Portugal destino da moda nunca se estrague, sobretudo enquanto vivermos num marasmo incapaz de reformar Portugal para outras guerras. Embora sem “nota artistica” da sustentabilidade para o futuro, os números vão dando para embalar e criar ilusão de sucesso económico. Menos mal.

Não existe agora razão nenhuma para que as agências de rating mantenham Portugal em notações de “lixo” durante o ano. É isso que espero, de forma a podermos fechar o ciclo de confiança com os mercados financeiros – que em 2014 teve o primeiro grande passo, com o regresso aos mercados.

Estamos em contra relógio para o fim dos estímulos do BCE e como tal, essa subida será essencial para proteger a economia do choque da subida de taxas. Já agora, a economia Portuguesa é a mais endividada do mundo desenvolvido, será necessário crescer mais e de forma mais sustentada do que até agora. Mas isso é só lá para 2018…

Luis Tavares Bravo (Economista)

Comentários

comentários

Click to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Portugal Contra a Geringonça

Segue o nosso Facebook

Copyright © 2016 Anti Geringonça

To Top